Opúsculo – A Paródia



Sinopse:


"Sobre três coisas eu estava absolutamente certa: Primeira, Edwart talvez fosse, muito provavelmente, minha alma gêmea. Segunda, existia uma parte do vampiro dentro dele – que eu presumia que estivesse completamente fora de seu controle – que queria me ver morta. E terceira, eu incondicionalmente, irrevogavelmente, impenetravelmente, heterogeneamente e ginecologicamente desejava que ele tivesse me beijado."

Você provavelmente já leu algo muito parecido com a declaração acima e pode estar pensando que se trata de um plágio, ou uma mera coincidência, mas não é nada disso. Ela resume a premissa do livro Opúsculo – A Paródia, escrito pela revista de humor The Harvard Lampoon.
Opúsculo é uma hilariante paródia do Crepúsculo, de Stephenie Meyer, e conta a história de amor de Belle Goose e o misterioso e brilhante Edwart Mullen, Belle é uma garota pálida e desajeitada que chega a cidade de Switchblade, Oregon, buscando aventura, ou pelo menos um colega de classe imortal.
Após testemunhar uma série de eventos estranhos – Edwart deixa suas batatas fritas intocadas no almoço! Edwart a salva de uma bola de neve voadora! – Belle tem uma dramática revelação: Edwart, um geek com interesse zero em garotas, é na verdade um vampiro, pelo qual ela está completamente apaixonada.
Surge então o dilema: como ela poderia convencê-lo a mordê-la e assim transformá-la em sua noiva eterna, já que ele parece achar todas as garotas tão repulsivas? Cheio de romance, perigo, insuficiente proteção paternal, arrepiante comportamento de caçador compulsivo e com um baile de formatura de vampiro, Opúsculo é um conto tumultuado sobre uma garota obcecada por vampiros, que busca o amor em todos os lugares errados.

Nenhum comentário: